Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

Regresso a Madison County

imagem retirada da net

 

 

 

Quando iniciei a escrita desta história para a Fábrica tinha intenções de escrever algo sobre um dos momentos desses quatro dias retratados no filme, mas depois a unica coisa que me apeteceu mesmo fazer foi mudar o final da história. Todas as histórias de amor devem ter direito a um final feliz...

 

 

 

Francesca estava sentada na ponte que Robert tinha escolhido para fotografar em primeiro lugar. Mais uma vez tinha ido ali para reviver um pouco aqueles quatro dias de paixão avassaladora que passara com Robert. Ela bem sabia que tomara a decisão certa, mas de vez em quando as lembranças atingiam-na como punhais e ela deixava sair um pouco da sua mágoa. Era para ali que ia sempre nessas ocasiões e a verdade é que nenhum sitio poderia ser melhor que aquele.

Levantou-se e caminhou pela ponte coberta onde tinha estado com Robert. Não disfarçou sequer as lágrimas que lhe corriam pelo rosto. O eco dos seus passos no piso de madeira da ponte era exactamente igual ao eco dos seus passos uns anos antes. A diferença é que agora não era acompanhado por outro conjunto de passos…

Lembrou cada detalhe do rosto de Robert. Não era bonito, mas tinha um charme indiscutível. Além disso, em cada traço do seu rosto tinha lido honestidade, no seu olhar tinha lido paixão, nas suas mãos sôfregas uma imensa ternura. Um primeiro olhar tinha sido o suficiente para arrebatar o seu coração. Depois desse instante a sua vida mudou para sempre.

Depois de atravessar a ponte continuou a caminhar sem rumo. Viu as colinas que tinham visto os dois de mão dada, viu os campos em flor que anos antes tinham percorrido a correr como crianças.

Tinha renunciado ao seu amor verdadeiro por uma causa nobre: a família. Perguntava-se agora se teria valido a pena. O marido tinha ido embora em busca de algo a que ele chamava felicidade. Francesca sabia que ele tinha outra mulher. Os filhos há muito que haviam partido para a cidade em buscar de uma vida melhor. Francesca sentia que tinha tomado a atitude certa, mas que tinha sido muito pouco recompensada por isso. E isso deixava-a sempre angustiada e triste.

Tinha saudades de Robert. Saudades de o sentir, de o ouvir, de o amar. Tinha saudades de Robert que apenas eram atenuadas quando ouvia falar dele. As suas reportagens eram muito conhecidas. A publicidade à volta dele era grande e por isso estavam sempre a surgir referencias ao seu nome.

Francesca sentou-se debaixo de uma árvore perdida no campo. Era talvez o Verão mais quente dos últimos anos. Lamentou não ter um pouco de água para se refrescar. Depois fechou um pouco os olhos. A imagem que lhe aparecia nos pensamentos era a de Robert. Era sempre a de Robert.

Ouviu um restolhar ligeiro perto de si e abriu os olhos. À sua frente estava Robert tal e qual como o viu da última vez. Maquina fotográfica ao pescoço e chapéu de abas. Achou que estava a sonhar e esfregou os olhos. Mas a imagem que viu continuava ali e sorria. Não podia ser verdade…

 

- Tive esperança de te encontrar querida…

 

Francesca nada disse, apenas se lançou ao pescoço de Robert. Era mesmo verdade! Ele estava ali…Tinha desejado tanto aquele momento…

 

- Vieste querido Robert…Tive tantas saudades tuas…

 

- Ainda me queres?

 

- Todos os dias…

 

Caminharam de mãos dadas para casa. Riam como miúdos. Não fariam planos. Tentariam apenas ser felizes em cada dia de todos os dias que tivessem até ao fim dos seus dias...

 

 

 

 

Texto de ficção para a Fábrica das Histórias por Cláudia Moreira

 

 

 

sinto-me: pensativa
publicado por magnolia às 11:47
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Ju a 17 de Setembro de 2009 às 12:04
Confesso que apenas vi o filme, mas despertou a curiosidade de ler o livro também!!

Bejinhos

Ju & Baby
De magnolia a 18 de Setembro de 2009 às 13:43
É uma história de amor muito bonita, vale a pena:)

Um beijinho grande
De green.eyes a 17 de Setembro de 2009 às 16:10
Era bom que a vida real fosse como nas historias de amor ... onde o final é sempre feliz ...
Mas se assim fosse provavelmente deixava de haver hostorias de amor ...

Beijinhos
De magnolia a 18 de Setembro de 2009 às 13:49
Pois é Ana...nem sempre as histórias de amor têm um final feliz.....mas podemos sempre começar uma nova história de amor:) dar-nos mais uma oportunidade! :)

Um beijinho grande
De espaço da raquel a 17 de Setembro de 2009 às 16:16
e cá estou eu a cuscar!
Vi (em tempos) o filme, mas era tão bom que na vida real Tudo acabasse sempre com um FINAL FELIZ, não era?
De magnolia a 18 de Setembro de 2009 às 13:51
Era:))))) mas pronto, como não é, a gente vai imaginando:))))

Um beijo e um abraaaaaaaaaaaço!
De espaço da raquel a 18 de Setembro de 2009 às 16:37

De inoutyou a 17 de Setembro de 2009 às 21:03
Podes nem acreditar, mas digo-te que ao ler esta história parecia estar a ler páginas de um grande escritor...Afinal de contas, o que tu és??

Beijinhos AMiga
Alex
De magnolia a 18 de Setembro de 2009 às 13:53
Alex....não acredito muito, mas gostava tanto que fosse verdade:))))

Obrigada amigo!

Um beijinho grande
De inoutyou a 18 de Setembro de 2009 às 18:47

Claudia,

teu dia vai chegar, e tu tens muito talento e és persistente

Beijinhos e Bom fim de semana
Alex

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Encerrado

. I love books

. Viagem inesquecível

. Hoje...

. O último retrato

. Post-scriptum

. Isa

. Página em Branco

. Chama Solitária

. Não há amor como o primei...

.arquivos

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Março 2006

.tags

. todas as tags

.Visitinhas

.mais visitinhas

.Quem por cá anda...:)

blogs SAPO

.subscrever feeds